O que acontece em Manaus: “Educação para o Interior”

Imaginem-se vivendo em um estado enorme, o maior do Brasil, todo preenchido com árvores, em que você precisa se locomover principalmente através dos rios utilizando as embarcações que levam dias a fio para chegar ao destino. Há cidades no norte do estado em que o percurso de Manaus até elas é feito em 40 dias. Subir o rio e percorrer suas muitas curvas faz das viagens longas jornadas de paciência e resignação à condição imposta pela natureza e pela economia: é difícil pagar pelos vôos do interior do estado, pois são caríssimos.

Em um estado em que transitar é algo tão complicado, demorado e caro, muitas questões que são facilmente resolvidas em outros lugares tornam-se um grande problema. Hoje quero falar da dificuldade de levar a educação para o interior do Amazonas.

Como seria possível levar os poucos professores qualificados que se encontram em Manaus para o interior? A solução encontrada tanto para o ensino fundamental, de 1º. a 9º. ano, quanto para o médio, 1º. a 3º. ano, e para a graduação, foi a educação mediada à distância. Sim, ensino à distância. Mas um ensino à distância feito com bastante categoria e qualidade. Muito, muito interessante o que tem feito por aqui.

Conheço de perto a realidade do ensino superior à distância. A UEA, Universidade Estadual do Amazonas. oferece para cerca de 16 cidades do interior do Amazonas as graduações de Matemática, Tecnologia de Sistemas, Educação Física e em breve Ciências Econômicas. Os alunos fazem o vestibular e ficam quatro anos frequentando a sala de aula e sendo acompanhados por um professor assistente. Esse professor assistente é treinado, mas o conhecimento mesmo é transmitido pelos mestres e doutores da Universidade que fazem a aula ao vivo em um estúdio em Manaus.

Luz, câmera, ação. Professores a postos no estúdio, alunos à postos nas salas de aula e o processo de educação se inicia.

Se tem gente que pensa que é difícil para um professor manter a atenção de um aluno por mais de uma ou duas horas, está certíssimo quando pensa em alunos de capitais ou da zona sul, sudeste do Brasil. Aqui, no interior do Amazonas, a atenção é toda voltada para o professor e o processo de educação tem um valor que nem se pode imaginar. Os alunos enchem seus olhos de brilho quando podem encontrar pessoalmente com seus mestres. Idolatram. Respeitam. Querem sugar todo o conhecimento. E tudo o que recebem de informação tem um valor impressionante. Incrível como ter tão pouco faz tudo o que se ganha parecer tanto.

5 comentários em “O que acontece em Manaus: “Educação para o Interior”

  1. É, acredito que neste caso o ensino à distância é inevitável. Mas não se justifica pessoas que moram em Barbacena estudarem à distância tendo possibilidade de estudo a menos de 2h de casa. Ai já é comodismo e falta de persistência. =)

  2. Paula q saudades de vc!!!!!
    Mta bacana o texto. É bom ver a realiade de lugares tão distantes e perceber que sempre se da um jeito quando se quer alguma coisa!
    E não se esuqça de quando voltar aqui fazer uma visitinha pra gente!!!
    Bjos!!!

  3. Estimada Paula, na Amazônia os rios comandam a vida e são com esses rios, lagos, igarapés, igapós e paranás, além das matas, que são obstáculos naturais, que estamos incubidos de fazer Educaçào na Amazônia. Esse grande desafio com cheiros e aromas diferenciados é virtude para poucos e fico feliz por você fazer parte deste MUNDÃO que é o nosso grande desafio nos anos…
    Grato por tudo e também por divulgar o nome AMAZÔNIA…
    Prof. Dr. Vanderlan Santos Mota-Coordenador do Curso de Educação Física- UEA. Sistema Presencial Mediado por Tecnologia.

  4. Paula, sem querer descobri que você já respondeu a minha pergubta a respeito da educaçao no Amazonas. Chorei ao ler seu relato. Trabalho atualmente em uma escola onde as crianças têm um alto poder aquisitvo e me entriteço muitas vezes ao ver tão de perto quão grande é a diferença social. É inacreditável ver como eles têm tanto e não dão valor.
    A cada dia que passa me sinto ainda mais motivada a voltar pra Manaus e trabalhar em pró da educação dos meus conterrâneos.

    Abraços.

    • Amanda, é linda sua visão e muito necessária também. São pessoas com o pensamento como o seu que abrem mão de muito do que têm na vida para se dedicarem a um ideal no Amazonas. Aqui tudo está por fazer e as contribuições ganham uma importância ímpar, como em nenhum outro lugar do Brasil. Fico feliz que tenha compartilhado seus pensamentos, desejos e emoções. Grande abraço, Paula.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: