O que é único em Manaus: “Boi bumbá”

Está chegando a época do Festival Folclórico de Parintins, festa famosa que celebra a dança dos bois vermelho (Garantido) e azul (Caprichoso). Por aqui, os anúncios publicitários são todos temáticos: azul e vermelho; a latinha da Coca-cola ganha novo design; as passagens de barco e avião para Parintins ficam num preço absurdo; as músicas tocam mais na rádio e começamos a ouvir muitas pessoas falando “que pena que esse ano não vou”.

É um Festival de grande porte que mobiliza a cultura local. Acontece desde 1965 e todos dizem que é lindo, que vale muito a pena ir. Mas não posso negar que me assustei um pouco com o preço do evento. Tudo custa muito caro: passagem aérea, hospedagem e os ingressos para o evento (que são dispensáveis caso você esteja disposto a enfrentar fila para garantir um lugar na arquibancada).

Ainda não assisti a apresentações do boi. Somente uma breve dança feita num restaurante da Ponta Negra, o Laranjinha, que acontece geralmente nos finais de semana. Fiz esse vídeo amador e aí está para vocês verem um pouquinho. Com vocês, o boi!

2 comentários em “O que é único em Manaus: “Boi bumbá”

  1. Só uma observação, para enriquecer o excelente texto. Em 1949, foi a primeira vez que Garantido e Caprichoso se apresentaram em Manaus. Mas em Parintins, a briga já tem muuuito tempo (muuuito tempo significa que eu não sei exatamente quanto) :D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: