Guiana Inglesa, ou “A Guiana”

Há pouco mais de uma hora de Boa Vista – RR, de carro, numa estrada linda onde é possível ter a companhia do belo cerrado roraimense, chega-se a Lethem, a cidade de fronteira da Guiana Inglesa. Digamos que a cidade seja feia, ou bastante feia. Parece uma cidade de faroeste, cheia de ruas de terra, grandes construções que servem de galpão para a venda das mil e uma mercadorias.

Quando passamos pela Receita Federal na fronteira recebemos um comunicado explicando o limite de compras. US$ 300 por visitante, ou seja, mais ou menos R$500 em compras. É possível fazer compras com o próprio real, mas a moeda oficial da Guiana é o dólar da Guiana. E, pelo que percebi nas negociações, cada 100 dólares da Guiana valem 1 real.

É muito impressionante o que encontramos por lá, quase surreal. Além da diversão garantida proporcionada pelas ruas em mão inglesa (sim, os carros têm seus volantes do lado direito e logo na fronteira já há um grande outdoor alertando-nos para o fato de por ali a lei exigir que andemos do lado esquerdo da pista, sempre), há também as mercadorias sendo vendidas a um preço de fazer rir. Se você compra um perfume por R$150, lá ele está a R$10; ou se a sua blusa da Adidas custou R$80, lá ela custa R$12. Juro que não compreendi o que se passa: se são os impostos que recaem sobre o país, se são peças contrabandeadas, se são falsificações. Simplesmente não entendi, só mesmo fiquei boquiaberta e até agora minha imaginação repassa alguma lógica tentando compreender como a Guiana Inglesa consegue manter um comércio como aquele.


Para quem não quer se debruçar sobre o paraíso das compras, uma amiga me contou que há pelo país lindas riquezas naturais e é possível visitar paraísos da natureza com muita facildade por lá e gastando muito pouco. Além disso, quem está interessado em praticar um pouco seu inglês nem precisa ir tão longe: como a língua oficial da Guiana é o inglês, um intercâmbio por essas bandas é uma facilidade. País curioso essa Guiana!

E para os amantes da culinária e apreciadores de novos sabores, fica a dica para o  momento do lanche: comer roti quando estiver na Guiana.

80 comentários em “Guiana Inglesa, ou “A Guiana”

      • Olá, Paula,

        Meu nome é Raina Felix, sou jornalista e achei interessante como retratou Lethem. Estive lá em janeiro, 2012, de férias e fiquei intrigada com trocentras coisas, incluindo os baixos preços de tudo. Mas amei o local. Estarei retornando lá em setembro, agora a trabalho, vou explorar jornalisticamente a parte de garimpo que existe por la, e seguiremos ate o Suriname. :)

      • Raina, me convide para explorar jornalisticamente outras regiões quando estiver por essas bandas. Vou adorar acompanhá-la.

  1. Olá Paula, na verdade Lethem atualmente conta com a ponte para viabilizar o acesso, até o começo do ano de 2011 isso não era possível, e havia uma balsa precária que encerrava suas atividades às 12:00hs para almoço e 18:00hs, um verdadeiro caos para os que queriam conhecer a última cidade fronteiriça da Guyana Inglesa, quanto aos valores espantosos a explicação está na fabricação, são réplicas que imitam os originais em tudo, vindo de mercados vizinhos no exterior, o mercado comercial forte se dá também pela grande variedade de povos que migraram para aquela região e formam sociedade de 1% para Guyanenses contra 99% para o investidor forasteiro, uma forma de poder legalizar a abertura das empresas lá existentes…, embora as condições de hospedagem não seja das melhores, mas o pernoite pode ser bem aproveitado em BOMFIM/BR e desfrutar do frio que sopra da cordilheira que margeia o Rio Itacutu(da ponte) contornando a parte limítrofe Brasil X GUYANA.

    • Ah, César, bom que assim você desvenda o mistério dos preços inconcebíveis do Lethem! =) Tira a pulga que está há dias atrás da minha orelha!

  2. poxa fiquei sabendo desse paraíso de compras a pouco tempo,logo que cheguei a manaus,mas agora com essa historia de ser tudo replica fiquei triste. Mas Paula, diga-me uma coisa, você já conheceu a ilha margarita? estou super curioso pra saber de fato como funciona pra chegar por lá e um roteiro bom de passei.

    • Olá, Bruno, pois é, Guiana é o paraíso dos falsificados. Sobre a Ilha Margarita ainda não fui, mas aqui em Manaus muitos conhecidos já se aventuraram por aquelas bandas. Viajam até Boa Vista geralmente e no dia seguinte enfrentam um dia inteiro de estrada para se aproximarem o máximo possível de onde pegam a balsa para atravessar para Margarita. Não tenho todos os detalhes. Em breve farei esse passeio…. =)) Abraços!

  3. Dá para aprender/treinar inglês na Guina? O inglês de lá e muito diferente do inglês britânico?

    • Olá, Abner, não consigo me lembrar com exatidão do sotaque deles, mas não parecia muito britânico… mas pra treinar o inglês é uma boa, todos falantes da língua ao seu lado, eficiente!

    • Francis, quando fui à Guiana meu amigo que estava comigo disse a mesma coisa assim que passamos pela fronteira “que saudade de comer roti!!”. =)) Volte lá!

  4. Oi Paula , pra se ir a Guiana , precisa ir a Boa vista e de la pegar um ônibus é isso ? Os precos das falsificacoes continuam absurdamente baratos ? Vc encontra de tudo ? Obrigado

    • Olá, Alex! O esquema é esse mesmo, de Boa Vista você chega em Lethem, a primeira cidade da Guiana, em pouco mais de uma hora. Bem simples a logística. E os preços são mesmo absurdamente baratos. Tem de tênis a perfume, de itens de informática e bolsas. Paraíso dos falsificados.

  5. Olá, pesquisei muito sobre a Guiana inglesa na internet e nao achei quase nada sobre o local, fiquei intrigada com as compras de uma amiga feitas na Guiana, celulares de ultima geração com preços inacreditáveis, será mesmo se são falsificados? Vou pra lá mês que vem, acho q me precipitei depois de ter visto as informações aqui no seu blog Paula, e estou curiosa de saber se realmente vale apena agora, pois já esta comprada a passagem

    • Jéssica, vá sim conhecer a Guiana, se o seu objetivo era encontrar coisas ultra mega baratas, mesmo que falsificadas, lá é seu paraíso. Vá e veja com os próprios olhos. Depois acho que vale a pena estender sua viagem um pouco alem, o país tem belas coisas naturais e você pode ir para alguma cidade sem ser Lethem.

  6. Precisa de passaporte para ir para Guiana?
    No meu caso eu vó para fazer compras, tem algum procedimento para trazer coisas que eu vou comprar?

    • Nayara, é possível entrar com identidade apenas. Para as compras há um limite, a receita vai informá-la assim que você entrar no país.

  7. Gostaria de saber se é necessário visto no passaporte para ir para a Guiana Inglesa…e eu quero ir à capital [Creio que é Georgetown]. Voce pode me informar os detalhes…etc…

  8. pois eu moro em Manaus…eu e minha esposa estivemos recentemente em Londres por 3 meses. O ingles do pessoal é horripilante prá nao dizer horrível…o africano com um sotaque, o indiano com outro sotaque [o pior ingles que eu já ouvir na face da terra], o oriental [iraquiano, iraniano, etc] …o que menos vou encontrar é ingles nativo nas ruas de Londres. Portanto, creio que pior ingles do que esse nao vou encontrar nas Guianas Inglesas. …Pois bem,…preciso praticar o meu ingles…pois trabalho com literatura…livros…etc…etc…e creio que a melhor maneira é contactar com o nativo. Como trabalho com missoes, eu gostaria de ter contato com igrejas evangélicas das Guianas…moro em Manaus, por favor, me informa se a melhor maneira é de carro ou aviao…e quanto ao visto…

    • Olá, Almir, quando fui para guiana eu fui de avião para Boa Vista, pois tinha coisas a fazer por lá, e depois de carro para Guiana. Foi muito fácil e rápido, creio que seja um meio bom. Você pode também ir direto de carro de Manaus até lá se tiver tempo pra isso: são 6-8 horas de viagem até Boa Vista numa estrada que está muito boa (depois veja meu post mais recente sobre a BR174) e 2 horas no máximo até a Guiana.

  9. vou viajar pra guiana ano q vem,quero saber si é facil d consegui emprego por lá quero vê si consigo atuar na minha area tô formando em telecomunicaçoes espero conseguir um emprego por lá

    • Olá, Roni, pelo pouco que fiquei na Guiana senti que é muito carente, creio que por essas regiões do norte seja sempre muito bem vindo um profissional graduado. Boa sorte.

  10. quero saber se eu estudar inglês lá se eu consigo algum professor pra ajudar na minha evolução e se após há uma boa evolução? com esse acompanhamento?

  11. e se o professor lá sairá muito caro? e depois de leter a distancia da próxima cidade ou da capital?

  12. Olá, Paula estou indo p lethem, junto com pai, mãe, esposa e filho srsrsrs gostaria de saber um lugar bom e seguro p/ ficarmos a noite.

  13. Olá Paula, gostaria de saber se existe Universidade em Georgetown que ofereço curso de inglês no período de férias para estudantes brasileiros e como seria preços de hospedagem, pousadas etc.

    • Waldemir, olá, podemos pensar em quem pode nos ajudar com essas informações, eu não consigo saber pois minha viagem foi muito rápida a Guiana. Mas pesquisarei!!

  14. Oi Paula, eu olhei na web e verifiquei o preço de hotéis em Georgetown, caríssimos…até fora da lógica, tipo 240 dólares americanos uma simples noite. Eu estava com planos de ir para lá a semana passada, mas resolvi dar um tempo até esclarecer sobre o preço de lugar prá se ficar em Georgetown, Guyana. Voce pode me dar alguma informacao de moradia mais em conta que eu possa passar 90 dias em Georgetown, e se é possível trabalhar lá [como engenheiro civil, ou arquiteto ou dar aulas como sociólogo e antropólogo]?

  15. oi paula meu nome e jnio.gostaria de saber quais os pontos turisticos da guiana inglesa?

    • Jânio, conheci tão pouquinho da Guiana…. mas com seu comentário me deu até vontade de retornar lá só para conhecer um pouco mais e postar aqui.

  16. oi paula meu nome e raimundo pereira fiquei facinado pelo o comercio de
    aparelhos eletronico e pelos preços tão baixos

  17. com certesa paula,eu nem conheci e ja estou facinado.
    e breve estaremos por ai a trabalho.
    bjs tudo de bom

  18. Paula me chamo Jordana sou de Maceió, Alagoas, e tenho muita vontade de pesquisar o criolo dentro do idioma de lingua inglesa indo para a Guiana, então encontrei o teu blog falando um pouquinho da tua viagem, me encantei e gostaria de saber se você nao poderia me orientar em algumas coisas por aí até a gente chegar na Guiana? Eu e meu marido pretendemos ir no final do ano de 2013 ou inicio de 2014. Gostaria de saber hotéis baratos na sua cidade, onde comprar passagens para chegar à Guiana, se da pra ir de carro enfim, o que você puder me ajudar será muito bem vindo.

    Grata.

    • Jornada, seu estudo sobre o assunto vai ficar o máximo, já quero ler! Não tenho muitas dicas sobre onde ficar na Guiana porque eu passei muito rapidamente por lá. Mas para chegar é fácil, você pode ir por Boa Vista, chegando de carro em pouco mais de uma hora de estrada agradável.

  19. Oi Paula, eu gostria de aprender inglês, será que é um bom lugar para este propósito.

  20. Boa noite Paula… muito bem, as suas informações sobre Lethem são valorosas e, certamente, com suas dicas, em breve irei conhecer mais esse pedaço de mundo e não vai demorar, é ainda esta semana, aproveitando o feriado de Corpus Cristi. Ass. Juvenal Botelho, natural de Unaí-MG e, amazonense, morador em Manaus desde 1982.

  21. Nossa, estou encantada com todas essas informações. Pena que ainda não dá para saber como se hospedar por um preço razoável pelo período de 1 mês mais ou menos, para treinar o Inglês… Como será que posso obter essas informações?

  22. Quem puder me fornecer alguma informação sobre hospedagem na Guiana Inglesa, tipo aluguel de um espaço, valores, etc, eu agradeço muito.

  23. oi paula eu andei pesquizando sobre a capital da guiana e eu axei muito bonita, nossa a cidade tem uma vista muito bonita do auto e o mar tambem e muito lindo e vouta da cidade

  24. olá paula,

    estava pesquisando sobre a guiana,achei o seu site e tenho uma duvida

    moro em são paulo, e quero ir para georgetown, pretendo procurar uma

    escola para estudar ingles, o que compensa mais financeiramente, ir de

    avião direto para georgetown ou ir até boa vista e de lá pegar um onibus?

    obrigado

    • Oi Hugo,

      Também estou planejando ir para a Guiana estudar inglês, mais precisamente para a capital Georgetown, assim como você.
      Venho pesquisando um tanto sobre isso há bastante tempo, e tenho muitas informações que podem te ajudar. Eu te add no facebook, depois quando puder dá uma olhada lá e aceita o meu convite para que possamos conversar melhor.

      Um grande abraço,
      Até mais!

  25. E Paula, já ia me esquecendo, parabéns pelo seu blog; eu simplesmente A-M-E-I !!! Já está na minha lista de favoritos… Continue postando sempre, que assim como eu, tenho certeza de que muita gente tá sempre dando uma passadinha por aqui em busca das suas novas histórias. Abraços e muito sucesso!

  26. Oi, Paula. Sou “coleguinha” de profissão, embora meus mais de 60 anos. Sou de São Paulo e vou para Boa vista e Santa Elena no final de setembro, quero ver e, se possível, subir o Monte Roraima (se minha mulher deixar… rsrs). Reservei uma semana para a viagem. Acha que vale a pena ir pelo menos à divisa da Guiana? Obrigado.

  27. olá Paula sou missionária e quero ir par Guiana para um trabalho voluntário com alfabetização .Você conhece lá alguma organização ,viu alguma comunidade organizada com esse fim?

  28. Gente !!Pelo amor de Deus …sair do Brasil para estudar Inglês EM Lethem é para acabar mesmo…a cidade é deserta parece uma cidade do velho faroeste de filmes americanos e o sotaque mata o idioma, tanto que caso apareça alguém que falE fluente inglês ,eles vão pensar que você é britânico,irlandês ou alemão menos brasileiro, tem apenas duas escolas na cidade inteira, 1 hospital e não tem saneamento básico como rede de esgoto quanto mais estação de tratamento …um descaso contra a natureza. Somente vá para fazer compras caso seja amante do facismo e no máximo durma uma noite em um hotel chamado Savannah inn é o melhor… é só…..

  29. Boa Noite Paula,

    É isso mesmo que o Roberto, esta dizendo acima?

    Estava encantado para ir treinar meu Ingles em Lethem e aprimorar mais….

    Mas agora desanimei..

    • Oi, Ramon, não sei como é o interior da Guiana, muitas pessoas vão para lá para aprender, outras já dão retorno que não é legal. Então tenho que ir lá conhecer com os próprios olhos ou então fazer uma pesquisa mais aprofundada do que a que tenho!

  30. Olá gostaria de saber quais os documentos necessários para ir para a capital da Guiana, só a identidade resolve?

  31. Olá Paula! sou de jericocoara ceará. sou instrutor náutico! queria passar dois mesis na guiana pra aperfeiçoar o inglês . onde vc recomenda por lá?? lá existe alta e baixa estação? o custo de vida é muito caro?

    • Wandeson, realmente não tenho todas essas informações, acho que a guiana é sempre muito receptiva aos visitantes e em qualquer época do ano que for haverá boa estadia à sua disposição. Sei que os custos de transporte nem sempre são os mais baratos porque algumas delas são complicadas. Talvez o melhor seja começar por Georgetown.

  32. Paula,
    O comércio em Lethem funciona aos Domingos?!? Consigo algum lugar no domingo para comer o ROTI?!? Minha esposa quer MUITO EXPERIMENTAR!!!
    Grato!

  33. Curioso demais em conhecer a cidade
    Ouvi comentários de que artigos esportivos para o carro se encontra com facilidade por la. alguem saberia algo a respeito ?

  34. Olá Paula sou da cidade de Curuçá-PA, próxima capital Belém. Primeiro quero parabenizá-la pelo site.

    Tenho muita vontade de conhecer a Guiana, principalmente sua capital, mas com o propósito de estudar a Inglês.
    Se possível gostaria que me ajudasse com algumas perguntas: Se é difícil entrar no país para estudar essa língua? Onde se hospedar? Se eu levasse R$ 3.000,00 (Três Mil Reais) daria para eu ficar lá pelo menos por 6 meses?

    Obrigado e novamente parabéns.

    • Oi, Wherlleson! Dê uma olhada no retorno do Junior aqui nos comentários. Ele viveu em família uma experiência de ir para a Guiana aprender inglês. Acho que vale a pena pesquisar!!

  35. Ola Paula, estive pensando em ir estudar ingles na Guiana, mas me disseram q o ingles deles eh um tanto raro. Vc recomendaria alguem ir aprender ingles nessas bandas?

  36. Minha mãe e meu irmão estiveram em georgetown na Guyana. Passaram 20 dias e fizeram um curso excelente de inglês na The Language Institute e ficaram hospedados no Bacana’s Hotel. Creio que existe o site da escola de inglês. A professora/coordenadora se chama Cecily. Foi tudo muito barato e eles voltaram muito muito satisfeito. Foram por terra partindo de boa vista/lethen e voltaram de avião. Recomendam. Este ano eu irei tambem.

    • Junior!! Essa sua resposta é fantástica para todos que estavam aqui perguntando EXATAMENTE sobre isso. Excelente. Pessoal, aí está uma dica a se informar melhor!

  37. Olá Paula eu e meu marido pretendemos ir a guiana em novembro e gostaria de saber quantos produtos podemos trazer por pessoa e se lá na cidade tem facilidade para andar com um caderante. ..

    Desde ja agradeço antecipadamente à sua informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: